Como fazer um bom simulado e usá-lo ao seu favor - Fique por dentro - Colégio Fractal

Fique por dentro

Como fazer um bom simulado e usá-lo ao seu favor

Publicado em : 30/05/2017

 

Só com os simulados você conseguirá conhecer a fundo a prova!

São eles quem testam seus conhecimentos pra valer e te ajudam à descobrir possíveis desafios que você terá que enfrentar nos dias do exame, como:

 

        • Nível de dificuldade das questões;

        • Tempo para resolver cada problema;

        • Concentração;​​​​​​​

        • Fome;

        • Vontade de ir ao banheiro;

        • Entre muitas outras coisas.

 

O que a gente recomenda é que você faça vários simulados ao longo do ano para que, no fim do ano, você arrase nas provas. Aqui o lance é progredir e ganhar confiança! Mas como se superar a cada simulado? Como aproveitar ao máximo essa prova? Vem que a gente te conta agorinha mesmo.

 

 

Faça como se fosse o dia da prova!

O simulado nada mais é do que um reconhecimento de terreno. Mas para reconhecê-lo, você precisa reproduzir o terreno do jeito mais fiel possível, certo? Por isso, é super importante que você faça a prova como se fosse no dia, como se valesse a vaga na universidade dos seus sonhos! Ou seja:

 

         Sem consulta;

        • Sem celular, computador, tablet, TV ou qualquer outro eletrônico;

        • Sem conversar com seus pais, irmãos, amigos, papagaio, periquito;

        • Coloque uma roupa confortável, mas nada de pijama ou roupas que você não poderá usar no dia;

        • Controle suas idas ao banheiro.

 

Sem distrações

Escolha um local para fazer o simulado que seja silencioso e sem pessoas ao redor. Também é importante que você faça a prova sentado à mesa – nada de fazer o simulado deitado na cama ou no sofá, já que isso não vai rolar de jeito nenhum no dia, né?

Se você é uma pessoa que se distrai facilmente com qualquer coisa, uma boa é tirar de perto objetos que chamem muita atenção (coloridos, cheio de imagens, que se movimentam, que façam barulho). Com certeza você ficará mais entretido com eles do que com o simulado.

 

Prepare o lanche!

O Inep permite que você leve lanches e água no dia da prova, então você pode – e deve – fazer isso no simulado! Mas ó, nada de levantar pra ir buscar na cozinha! Separe comidinhas leves e gostosas e uma garrafona d’água antes de começar o seu simulado, caso ele seja online, e se limite a eles. Se acabar, acabou – assim como no dia.

 

Fazer simulado também é estudo!

Assim como foi dito lá no início, você está estudando ao fazer um simulado – ele é uma forma super importante e essencial de estudo. Por isso, nada de se sobrecarregar estudando além do simulado! Não é recomendável que você faça isso nem no dia da prova de verdade, ok? Dê o seu máximo durante o simulado e depois tire o resto do tempo para descansar 😀

 

Cheque o gabarito depois

Olhar o gabarito é um momento super tenso e que muita gente evita ao máximo pelo medo de ver um resultado ruim. Quando isso acontece, vem aquela sensação de frustração e é um saco mesmo. Mas para progredir e se superar a cada prova feita, você precisa saber exatamente em que matérias e questões você está mandando mal. 

 

 

Bons estudos!

Sono x Aprendizado

Sono x Aprendizado

 10/05/2018

O sono é essencial para o processo de aprendizagem, pois é durante a noite que ocorre a síntese das proteínas que ajudam a manter ou expandir as redes neurais que respondem pela nossa memória e pelo nosso aprendizado.  Enquanto dormimos, o cérebro comanda a produção e a liberação de hormônios que vão interferir em nosso bem-estar durante o dia. Há diferentes etapas no processo do sono. Em cada [...]

Dicas para escolher o seu futuro curso e profissão

Dicas para escolher o seu futuro curso e profissão

 19/04/2018

Decidir o curso que você quer fazer e a profissão que você vai seguir para o resto da sua vida não é uma tarefa nada fácil. Por isso, separamos algumas dicas para te auxiliar nessa decisão.   Chega o ensino médio e com ele um único objetivo: a escolha de uma profissão. Alguns estudantes já sabem o que querem fazer desde a infância, mas a grande verdade é que a maioria não consegue [...]